Tipos de negócios

Como fazer biscuit para vender? Veja algumas boas dicas

Como fazer biscuit para vender

Atualmente milhares de pessoas sabem a incrível arte de fazer biscuit, quase sempre sendo utilizado para a decoração das próprias casas. Por outro lado, alguns indivíduos levam esse artesanato como uma forma de ganhar dinheiro. No entanto, você sabe como fazer biscuit para vender?

Originalmente, a cultura de vender biscuit chegou ao Brasil nos anos 80. Nessa época, os artistas viram isso como uma forma de ganhar dinheiro com esses pequenos objetos de decoração. Por isso, diversas técnicas e dicas foram elaboradas para que os biscuit fiquem mais rentáveis. Ficou curioso? Selecionamos algumas dessas dicas para você. Confira!

Formatos chamativos

Começando com uma dica básica, temos os formatos chamativos. Como todos sabem, objetos de decoração devem ser interessantes de serem vistos por outras pessoas. No entanto, alguns artistas ignoram esse detalhe durante o processo de criação. Para isso, recomendamos sempre que você faça algum desenho antes de realmente começar. Desse modo, você terá uma melhor noção de como o seu biscuit ficará.

Além disso, pesquisar um pouco e pegar referencias de outras artistas são ótimas formas de melhorar seu trabalho e deixa-lo rentável. Diferente do que muitos pensam, utilizar uma arte como inspiração não é nenhum problema. Na verdade, até mesmo os artistas renomados gostam de pegar essas referências. Para eles, essa é a melhor forma de conseguir um excelente resultado em seus produtos.

Tenha varias opções

Ter poucas opções de biscuit pode impactar diretamente na sua renda. Como todos sabem, ninguém precisa gostar exatamente da mesma coisa. Por isso, fazer biscuit sobre vários temas acaba gerando uma maior possibilidade de compra, além de ser uma ótima forma de chamar atenção para a versatilidade do seu trabalho.

Também é importante ressaltar que as opções acabam fazendo que você melhore suas técnicas. Como é comum no meio artístico, algumas pessoas acabam ficando presos em apenas um tema. Para isso, tentar fazer algo novo sempre é interessante. Desse modo, permitindo que até sua criatividade possa alcançar novos patamares.

Divulgação

Como todo produto, a divulgação é algo essencial para que as vendas ganhem relevância. No caso produtos de alto valor, as empresas tendem a investir mais da metade do faturamento apenas com essa divulgação. Assim, garantindo que o produto ganhe popularidade e, conseguintemente, seja cobiçado.

No caso do biscuit, a propaganda pode ser feita de diversas formas, inclusive abrangendo mais do que somente o público infantil – os responsáveis por um número considerável das vendas. Por outro lado, também devemos considerar o custo-beneficio. Principalmente nos últimos anos, onde as redes sociais acabaram sendo a principal forma de conseguir relevância nas vendas, utilizar uma dessas plataformas permite que você alcançar novas clientes.

Com elas, você conseguirá entender muito bem quem será seu público. Em alguns casos até prevendo quando e porque eles compraram cada biscuit feito por você.

Como fazer biscuit para vender

Vender online

Como dito anteriormente, as redes sociais são uma ótima forma de conseguir novos clientes. No entanto, esse não é o único jeito de vender seus produtos online. Hoje, como vários artistas já fazem, criar um site é uma das opções mais recomendadas. Nele, você terá a possibilidade de controlar seu investimento na totalidade.

Apesar de ser muito vantajoso, um site exige que você tenha muito tempo disponível. Em especial, caso você comece a ter uma demanda alta por seus produtos. Vale lembrar que nesse modelo você será responsável pela parte financeira, logística e de produção. Desse modo, fazendo com que você precise entender e experimentar diversas técnicas que possam facilitar seu trabalho.

Consignação

O modelo online pode assustar algumas pessoas, inclusive as que procuram apenas uma renda extra. Caso essa seja sua situação, a consignação pode ser uma boa forma de substituir isso. Hoje esse modelo é muito adotado por artistas que não tem tanta experiência com vendas.

Nesses casos, os produtores preferem apenas terceirizar esse processo, assim garantindo que uma parte da produção seja disponibiliza para diversas lojas ou, até mesmo, para vendedores independentes. Apesar de ter grandes vantagens, esse modelo não fará você ganhar dinheiro rapidamente, além de em muitos casos você não ser reconhecida como a artista do biscuit.

Por outro lado, você como fornecedor acaba sofrendo alguns riscos. Em especial, caso não escolha um ponto de venda interessante para seus biscuit. Vale lembrar que devido ser uma consignação, você só receberá aquilo que for vendido para o consumidor final. Desse modo, podendo ter problemas do estoque acumulado.

Alugar para decoradoras

Biscuit, principalmente nos últimos anos, vem se tornando algo muito comum de ser encomendado por agências de festas infantis. Todavia, nem sempre a equipe que está organizando é interessada em comprar os biscuit. Em especial, por geralmente serem utilizados somente uma vez.

Para isso, eles acabam contratando apenas algum artista que já tenha o produto. No caso, você poderia alugar conforme a agência necessitasse. Por outro lado, essa dica acaba não sendo tão eficaz caso você não tenha contato com os organizadores do meio.

Além disso, você também terá que descobrir como fazer biscuit para vender para eles. Hoje, nem sempre fazer algo que seja muito complexo é interessante para um certo público – algo que todas as agências sabem bem. No caso de crianças, ele precisa ser realmente mais estilizados do que para outras faixas de idade.

Vender em festas

Ainda no ramo de festas, temos a venda direta. Atualmente é raro não encontrar em um aniversário alguém que seja contratado para entreter as crianças. Geralmente, esses profissionais levam fantasias ou contam historias de modo a interagir com o público infantil da festa.

Por outro lado, principalmente nos últimos anos, está ficando cada vez mais comum que os países contratem artistas de biscuit para que possam ensinar as crianças. Todavia, nem sempre isso é uma tarefa fácil. Por outro lado, caso você já tenha experiência cuidando de crianças, talvez não será tão complicado assim.

Hoje esse trabalho acaba gerando uma boa renda para quem está disposto a passar longas horas em festas infantis. Em especial, caso você consiga encontrar uma agência que terceirize a sua comunicação com os pais. Portanto, sendo uma excelente dica de como fazer biscuit para vender.

Deixe seu Comentário