Empreendedorismo Dicas

O que vender na rua: confira 4 dicas para começar a faturar

O que vender na rua

Se você tem perfil empreendedor e deseja conseguir conquistar sua renda do mês ou um dinheirinho extra, uma excelente alternativa é se tornar um vendedor ambulante e oferecer o seu produto pelas ruas ou em locais de grande circulação, tais como: em feiras, praias, eventos, etc.

Isso porque o comércio de rua de fato tem apresentado lucro para os empreendedores e, por isso, é possível encontrá-los nas ruas de todos os países do globo. Além disso, trata-se de uma profissão que vem conquistando cada vez mais espaço no mercado e se tornando o “ganha pão” de muitas pessoas.

Dito isso, se você deseja saber o que vender na rua, mas não sabe por onde começar, saiba que você veio ao lugar certo, pois nesse artigo te apresentaremos 4 dicas de o que vender na rua para que você consiga escolher um nicho e faturar um bom dinheiro. Confira!

1. Venda diferentes tipos de bebidas.

Imagine o cenário, as pessoas estão de férias, na praia ou caminhando em um calor de 30 graus e o único lugar onde pode ser encontrada uma bebida geladinha é no quiosque ou na lanchonete que cobra um absurdo em todos os produtos.

Imagine o quanto um vendedor de rua não ganharia por oferecer um preço mais justo em qualquer tipo de bebidas? Imaginou? Pois é! Vender bebidas geladinhas em qualquer local e em qualquer situação é outra ideia maravilhosa de o que vender na rua, pois, como mencionado, esses produtos são vendidos a um preço muito alto e o cliente sempre irá atrás de quem oferecer o preço mais justo, independente do produto ser comprado com um vendedor ambulante ou em uma loja física.

Dito isso, se você deseja investir nesse negócio, procure adquirir as bebidas mais procuradas, mas também não esqueça de oferecer variedades. Outra dica é: nunca e jamais deixe as bebidas esquentarem. O segredo é justamente garantir as bebidas extremamente geladas. Portanto, antes de qualquer coisa, busque por uma caixa térmica que suporte bastante gelo, pois assim não haverá riscos das bebidas esquentarem.

Ah, e se organize para comprar as bebidas diretamente da fábrica ou de distribuidores. Pois, dessa forma, sua margem de lucro será maior.

2. Venda petiscos e salgados

Assim como no caso das bebidas, os petiscos e salgados também são uma boa área para investir e uma ótima ideia de o que vender na rua. Isso porque a procura por alimentos também é muito grande, principalmente porque nos quiosques, restaurantes e lanchonetes tudo é mais caro.

Aliás, você sabe que não precisa de uma barraca para vender os alimentos, não é mesmo? É justamente para isso que existe o termo “vendedor ambulante”. Logo, você pode ganhar bastante dinheiro apenas caminhando e divulgando o que está vendendo.

A dica, nesse caso, é descobrir o que mais é procurado em cada região, afinal os costumes mudam de local para local.

Dito isso, saiba que além dos tradicionais salgados e sanduíches naturais, você pode vender frango a passarinho, camarão, peixe-frito, Acarajé e abará, churrasquinho, cachorro quente, queijos, etc.

3. Venda acessórios e suportes para celular, Pen drive e cartões de memória

Celulares e aparelhos eletrônicos lideram o ranking de produtos mais procurados e mais vendidos em muitas plataformas e, inclusive, na venda de rua. O que não é uma surpresa, já que o celular é o aparelho de comunicação mais utilizado no mundo.

Então, pensemos… se o principal produto vendido em várias plataformas e lojas são os celulares, com certeza, também haverá procura para capinhas, suportes para celular e demais acessórios para produtos tecnológicos, certo? Mesmo que em lojas físicas ou mesmo em barracas ou nas ruas.

Sendo assim, capinhas e suportes para celular também podem ser uma opção muito boa para quem está procurando o que vender na rua para ganhar dinheiro como vendedor ambulante.

A dica é: procure vender essa mercadoria por um preço bom, ofereça grandes variedades e mostre o seu diferencial, pois, dessa forma, você conseguirá bons lucros.

Além dos mencionados, não podemos esquecer de indicar a venda de pen drives e cartões de memórias. Isso porque esses produtos são relativamente mais baratos e muito importantes, seja para estudantes, seja para trabalhadores ou para pessoas comuns que só desejam guardar aquele álbum de família.

Além disso, sempre que precisamos, não temos um pen drive e um cartão de memória para socorrer e, por isso, várias pessoas compram esse produto por prevenção.

Logo, é possível compreender como esses produtos também são excelentes ideias de o que vender na rua.

A dica é inovar, procurar novos modelos e oferecer esses dispositivos com uma boa memória.

4. Venda maquiagem e produtos de beleza

Se você é revendedora de algum produto ou simplesmente gosta de vender maquiagens e demais produtos de beleza, saiba que vender esses produtos na rua como vendedor ambulante é um excelente espaço para a conquista de clientes.

Isso porque algumas marcas só são encontradas com revendedores e aproveitar para comprar alguma coisa enquanto estamos esperando o ônibus ou andando na rua é ótimo, principalmente se for algo que só pode ser encontrado com um grupo específico de vendedores.

Dito isso, a nossa dica para você que deseja saber o que vender na rua e já está de olho em começar a vender produtos de beleza como vendedor ambulante é: seja prestativa e educada, pois atender bem as pessoas faz com que elas voltem. Ofereça amostras, seja simpático e prestativo, pois isso certamente te ajudará a vender mais.

Resumindo, esse é um negócio muito interessante  de o que vender na rua e que tem ajudado muitas pessoas a conquistarem suas rendas. Então, não descarte essa opção de negócio, pois ele realmente traz muito lucro e ajuda na renda do mês.

Artigos relacionados:

Deixe seu Comentário